segunda-feira, setembro 10, 2012

Um pedido de desculpas, com carinho


Tenho um grande pedido de desculpa a fazer a quem manda neste país. O meu pecado é tão grande, que tenho que dividir em várias partes :

1. Devo pedir desculpa, ao Governo, por ser uma pessoa educada, bem formada, que sempre quis ser "alguém na vida", ou pelo menos lutar por um futuro bom, feliz, que nunca inclui ( necessariamente) três mil zeros (à direita) na conta ou três carros na garagem. 

2. Devo pedir desculpa, por também ter procurado rodear-me de gente inteligente, informada e civilizada - e não procurar os chicos-espertos. Vejo cada um deles a singrar na vida, de uma forma ou de outra, e em geral, vejo-os os a todos a lutar por uma vida que acham que merecem, e não se limitam a encostar à bananeira, à casinha dos pais, ou à cunha do tio rico ou bem colocado.

3. Devo também pedir desculpa, por ter estudado. Afinal de contas, andei a gastar o meu dinheiro, dos meus pais, para nada. Tentei pensar numa outra solução para passar o tempo, mas cheguei à conclusão, que esta seria a melhor. Às vezes parece que era melhor não ter estudado, e ambicionado ter ficado pelo 9ºano.

4. Devo, por fim, pedir desculpa por ser uma pessoa que chegou onde chegou por mérito próprio. Às vezes, dá ideia, neste país, que se prefere um bom trapaceiro, burro (mas com estudo na mesma), ignorante, mente fechada, só porque sim.

5. Desculpem-me também, se vou continuar a lutar por um futuro melhor, a não desistir facilmente, porque afinal até sei o que valho, e ter que levar com vocês, que estão no poleiro, de costas quentes, e enfim, não percebem porra disto e que se regem por regras, pressupostos que são esquisitos, que dão errado, e que no fundo, só beneficiam aqueles que vos seguram, porque vocês são é uns maricas pé de salsa.

Beijinhos,
 

1 comentário:

sushi mata disse...

Estás desculpada.
Assinado, Pedro Passos Coelho