domingo, janeiro 24, 2010

barreiras

Vivemos um tempo de barreiras e de bloqueios. Vivemos um tempo de boas intenções e poucas acções.
Julgamos que estamos a fazer muito, que estamos a dar o litro. Mas batalhamos e lutamos apenas na zona onde nos é confortável. Quando pressentimos que o comodismo e zona confortável nos foge do pés, a vontade tremelica como varas verdes e as boas acções ficam-se somente por palavras. A coragem, o romper das barreiras fica para mais tarde.

Quando a vontade começa a tremelicar, tentamos esconder essa falta de vontade e falta de tomates com inúmeras desculpas. "Ah é que eu", " Ah mas não sei" " Ah mas é que..."

Mas. Sempre mas. O mas nunca falha. Está lá sempre.
Há sempre uma desculpa para voltar atrás, há sempre uma desculpa manhosa e inventada ( mesmo que acreditemos muito nela), e nunca se diz a verdade. As desculpas, são como o "mas". Nunca falham.
Nunca se tem a coragem de dizer " Não tou para isto". " Não gosto disto" " Não quero abdicar disto" " Não me aptece fazer isto". Em qualquer situação que seja.
Quando queremos, não há comodismo nem medos que nos assustem.
Quando queremos não temos medo que a zona confortável fuja dos nossos pés. Só temos medo do que queremos fuja e nós nunca o consigamos apanhar.

O Feiticeiro de Oz tem razão. Falta coragem.

4 comentários:

M. disse...

Agora é que a disseste toda!

Val disse...

Onde anda a verdade? alguma anda aqui neste post.
Como tens razao. tanta.

A Vitamina disse...

Viva a M.!Viva a minha bela pessoinha... Viva a kit kat...por saber tanto mas só partilhar depois. Rica amiga hã? Onde estavas tu no meu 25 de Abril ou no da M.? ah pois... :P

Minha querida..agora a sério..Faço minhas a tuas palavras!É pena mas é a mais pura das verdades!Mas há esperança ;)

Marlucinha disse...

Cara Kit Kat,

Não te cheguei a dizer, mas aqui está ele.. o post que eu gostava de ter escrito.
Perfect. Obrigada